São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sexta-feira 20 de outubro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.290 - Visualizações: 18.935.765 - Postagens: 32.192

‘Pão de Tapioca’ investirá R$ 3 mi em nova unidade fabril em São Gonçalo do Amarante


A indústria cearense que fabrica itens sem glúten e lactose instalará sua 2ª unidade em São Gonçalo do Amarante em 2017


24/07/2016 - Se para alguns investidores a crise atual não inspira novos passos, para outros o momento é de continuar com o "pé no acelerador". O município de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), deve receber em 2017 a segunda unidade da Pão de Tapioca, empresa cearense especializada na fabricação de alimentos sem glúten, sem lactose e à base de tapioca. A fábrica terá investimento de R$ 3 milhões (construção e aquisição de equipamentos) e deve gerar entre 50 e 60 empregos diretos quando estiver em operação.

Com uma unidade já em funcionamento no município de Caucaia, que emprega 28 pessoas, a Pão de Tapioca espera que a quantidade de caixinhas de biscoito produzidos mensalmente aumente em até seis vezes (500%) em relação ao número atual. Hoje, são produzidos 120 mil unidades, e a projeção é de que esse número fique entre 576 mil e 720 mil caixinhas por mês. "Além disso, pretendemos ampliar nossa linha de produtos, para bolos, pizza, massas de pizzas", o diz diretor da empresa, Antônio Santana.

O empresário também prevê que o faturamento aumente em mais de seis vezes (567%) com a nova unidade em São Gonçalo do Amarante, passando dos atuais R$ 300 mil para R$ 2 milhões. Santana garante ainda que 80% dos postos de trabalho gerados na fábrica serão destinados a moradores do município ou de regiões próximas. Para os concorrentes às vagas, não será exigido nível técnico, mas será necessário que os interessados tenham, no mínimo, ensino médio completo.

Atração

Para a atração do investimento, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante já garantiu à empresa um terreno de 10 mil metros quadrados, situado dentro do Distrito Industrial e de Serviços da sede do município, onde será instalado o empreendimento.

A proximidade do local em relação ao Porto do Pecém também foi essencial para a escolha da empresa. "O mercado de produtos sem glúten e sem lactose é crescente. E quando você tem um olhar voltado para exportação, é preciso estar bem posicionado. E aqui é estratégico. Toda a minha matéria prima vem do Sul, mas eu tenho, em compensação uma menor distância em relação à Europa", diz Santana.

Exportação

A Pão de Tapioca desenvolveu uma farinha à base de tapioca, que pode ser utilizada para a fabricação de massas doces e salgadas em substituição ao trigo.

A expectativa é de que, depois do início das atividades da nova unidade, 100% da produção desse item seja voltada para fora do País, principalmente a Europa.

Em relação a produtos finalizados, 80% devem ser vendidos no Brasil e 20% no exterior. A empresa já firmou protocolo de intenção com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) do município no último dia 8 de julho.

Resta agora obter financiamento para pelo menos 50% do investimento, constituir o projeto da fábrica e o licenciamento para o início das obras. Antônio Santana acredita que até fevereiro seja iniciada a construção e que ela fique pronta no segundo semestre de 2017.

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]