São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quinta-feira 17 de agosto de 2017 - Ano: IX - Edição: 3.220 - Visualizações: 17.954.957 - Postagens: 31.406

Bandidos explodem 2 bancos, e assaltante morre em tiroteio com a polícia em Senador Pompeu


Ataques aconteceram na cidade de Senador Pompeu, no Sertão Central. Polícia afirma que já estava monitorando grupo


11/08/2016 - Bandidos explodiram duas agências bancárias na madrugada desta quarta-feira (10), em Senador Pompeu, no Sertão Central do Ceará. Eles não conseguiram roubar o dinheiro e, quando foram surpreendidos pela polícia, houve troca de tiros. No confronto, um suspeito morreu. Diligências são realizadas nesta manhã para localizar os demais criminosos.

O grupo era composto por 15 a 20 homens, em três carros, e o ataque aconteceu por volta de 2 horas, segundo o delegado Jefferson Lopes Custódio. Eles se dividiram e uma parte do bando estourou o cofre de um dos bancos, enquanto o outro grupo tentou explodir outra agência, mas na segunda tentativa foi frustrada porque não conseguiram roubar o dinheiro. No total, a polícia estima que mais de seis quilos de dinamite foram utilizadas.

Grupo atacou duas agências bancárias em Senador Pompeu na madrugada (Foto: Divulgação/Polícia de Senador Pompeu)

"Na primeira agência eles conseguiram o estourar cofre e retirar cédulas de R$ 5, R$ 10 e R$ 20, mas lá já tem sistema que danifica a cédula. Porém não conseguiram furtar com sucesso porque, na saída, a polícia já estava monitorando o grupo e espalhou equipes em algumas cidades, que foram abastecidas com dinheiro recentemente, como Boa Viagem, Tauá, Pedra Branca, Senador Pompeu", citou o delegado.

O monitoramento era realizado pelo Cotar, Serviço Reservado da Polícia e Polícia Civil. "Equipes da policia estavam impostadas próximo aos bancos. Ficaram de campana, até porque o modus operandi é sempre o mesmo: utilizam dinamite para estourar. A partir do momento que se ouviu o barulho, a polícia se deslocou", disse Custódio.

Em Senador Pompeu, bandidos tentaram explodir os cofres; ações aconteceram na madrugada (Foto: Divulgação/Polícia de Senador Pompeu)

Quando a polícia surpreendeu o grupo, segundo o delegado, houve confronto e tiroteio. Um suspeito foi baleado e morreu no local. A polícia disse não ter a identificação do homem. Com ele, foi apreendido uma espingarda calibre 12. "No confronto foram mais de 150 tiros. Nenhum policial ficou ferido", narrou o investigador.

Na fuga, eles abandonaram duas sacolas de dinheiro e um veículo Gol prata sem placa. A polícia disse ainda que o grupo incendiou uma moto e um carro no distrito de Bonfim, zona rural de Senador Pompeu, no caminho para Quixeramobim.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]