São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quarta-feira 23 de agosto de 2017 - Ano: IX - Edição: 3.226 - Visualizações: 17.977.957 - Postagens: 31.406

Já não é perseguição: o que se faz contra Lula é carnificina


O indicionamento de Lula, agora: você quer coisa mais óbvia?

14/09/2016 - Por: Paulo Nogueira

Se há alguma coisa de que Lava Jato não pode ser acusada é de surpreender

Há muito tempo ficou claro que o objetivo de Moro e da Lava Jato está longe de ser erradicar a corrupção: é acabar com o PT. Mais especificamente, com Lula.

Todo o resto foi perfumaria. A plutocracia — à qual Moro serve — usou o pretexto da corrupção porque é um tema que comove a classe média despolitizada, manipulável e cheia de ódio contra os pobres.

Em 1954 contra GV foi o mesmo. Dez anos depois contra Jango foi utilizado o mesmo expediente.

E outra vez a mesma coisa se dá agora.

Nas delações, emergiram acusações seriais contra políticos como Aécio, Jucá e vários outros. Nada deu em nada.

O alvo é Lula, Lula e ainda Lula.

O paradoxo é o seguinte: Lula é massacrado pela conjunção da Lava Jato com a imprensa, notadamente a Globo. E mesmo assim nas pesquisas ele aparece numa liderança confortável.

Que a plutocracia faz com isso?

Tira Lula de cena. Dá um jeito de impedi-lo de concorrer em 2018. Se as circunstâncias permitirem, prende-o. (Esta é uma cartada mais arriscada.)

As ruas têm que reagir. Gritar basta para a plutocracia. Os plutocratas não podem tratar o Brasil como seu quintal e tudo ficar por isso mesmo.

Já não é perseguição o que se faz contra Lula. É carnificina.

E isso não pode ser tolerado.


2 comentários:

Manoel Oliveira disse...

acho e esses bandidos criminosos, procuradores não teem competência para INDICIAR O PRESIDENTE LULA, QUEM O FAZ E A JUSTIÇA FEDERAL ESSES MALANDROS QUE FIZERAM ISSO SAO A MANDO DESTE OUTRO LADRÃO DE SAO PAULO GERALDO ALCKMIN, E QUER PORQUE QUER, SER PRESIDENTE DO BRASIL, NÃO TEM NENHUM DESTES DESEQUILIBRADOS DA DIREITA COMPETÊNCIA PARA TAL COISA ESTES PROCURADORES FAZEM E O MESMO QUE OS PARTIDOS POLITICOS FAZEM, ROUBAR E COMETER CRIMES, OS PROMOTORES NUNCA FIZERAM NADA PELO POVO BRASILEIRO , PORQUE ESSES VIADOS NÃO DESCOBREM QUEM ROUBOU DA PETROBRAS, ISSO NÃO VALEM MERDA ELES E A GLOBO, HA BAND E A RECORD SAO PARTE DA IMPRENSA CRIMINOSA DO BRASIL, ESSES BANDIDOS VIVEM MACULANDO O POVO E DEIXANDO A POBREZA PARA CIMA DE NOSSA POPULAÇÃO, PORTANTO NÃO SE CALEM VAMOS LUTAR ATE SE POSSÍVEL A MORTE O BRASIL, NÃO SUPORTA MAIS QUE TRÊS EMISSORAS DE TVs. MINTAM PARA O NOSSO POVO. VEJAM O QUE ESSE CRIMINOSO MICHEL TEMER DISSE HOJE NO JORNAL VAGABUNDO CHAMADO ESTADÃO DA FAMÍLIA DE BANDIDOS CHAMADA MESQUITA, QUE ESTA FALIDA TAMBÉM, QUE A PRESIDENTE DILMA TINHA 24 MOTORISTAS, ISSO SAO PARTE DA IMPRENSA VAGABUNDA E MENTIROSA QUE TODA VIDA , DEU COBERTURA A DIREITA BRASILEIRA, E ELES TAMBÉM DIZEM QUE TODOS ÓRGÃOS MINISTÉRIOS A PRESIDENTE DILMA NÃO DEIXOU DINHEIRO , E MUITA MENTIRA O CERTO E QUE ELES ESTÃO VENDO AGORA QUE NÃO FAZEM NADA QUE O BRASIL ESTA FALIDO POR CONTA DE ROUBOS, FEITOS PELOS PARTIDO ; PSDB , PMDB E PSD , PPS , DEM PP PSB, E PRB E PR, SAO EXATAMENTE A DIREITA QUE ROUBOU E AGORA O POVO ESTÃO COBRANDO DELES PORQUE O BRASIL ESTAR EM PIOR SITUAÇÃO DO QUE NA ÉPOCA DA PRESIDENTE DILMA E PODEM ESPERAR VAI APARECER MUTAS COISAS, MAS NOS VAMOS DESMASCARAR ESTES CRIMINOSOS,OS PARTIDOS POR ELES APOIADOS NESTAS ELEIÇÕES VÃO PERDER EM TODAS AS REGIÕES DO BRASIL , O POVO BRASILEIRO NÃO QUER SABER DA DIREITA NUNCA MAIS E A ESCRAVIDÃO JA PASSOU , FOI EM 1822, ELES E ESPECIALMENTE O MICHEL TEMER QUERIA NOVAMENTE QUE HA ESCRAVIDÃO VOLTASSE, CADEIA NESSES CRIMINOSOS, E LADROES.

Manoel Oliveira disse...

MAS EU AINDA ACHO O PEIDO DA GATA NANA, MAIS CHEIROSO DO QUE ESSES ABUTRES A MANDO DESSE OUTRO LADRÃO DA MERENDA ESCOLAR EM SAO PAULO.E OUTRAS COISAS, RUINS GERALDO ALCKMIN, EU VOU CONTRATAR O LAMPIÃO E A MARIA BONITA PARA ENSINAR COMO SE RESPEITA NESTE PAIS.ESSE PROCURADOR FOI MEXER COM O CAPETA AONDE ELE , ESTIVER, NOS COLA NELE ATE NA ONU , ELE VAI SER LEMBRADO MAIS, COMO IRRESPONSÁVEL.

[ Deixe-nos seu Comentário ]