São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sexta-feira 20 de outubro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.290 - Visualizações: 18.935.765 - Postagens: 32.192

Fora Temer toma conta das ruas de todo o Brasil neste domingo


A pressão contra o governo do presidente Michel Temer (PMDB) só aumenta nas ruas; foto de Christian Braga, do Jornalistas Livres, mostra milhares de pessoas na Avenida Paulista na tarde deste domingo; grupo gritou Fora Temer" e protestou contra a PEC do Teto e a emenda que prevê anistia para crimes eleitorais; coordenador do MTST, Guilherme Boulos, disse que a PEC é um atentado ao povo brasileiro e que a declaração de Temer neste domingo, sobre a intenção de barrar a emenda da anistia ao caixa 2 é hipocrisia: "É a velha história de roubar a carteira e gritar 'pega ladrão'. Foram eles que criaram tudo isso"

27 DE NOVEMBRO DE 2016

A pressão contra o governo do presidente Michel Temer (PMDB) só aumenta nas ruas. Milhares de pessoas ocuparam a Avenida Paulista na tarde deste domingo para gritar "Fora Temer" e protestar contra a PEC do Teto e a emenda que prevê anistia para crimes eleitorais. O grande protesto foi organizado pela frente de mobilização Povo Sem Medo, que reúne mais de 30 movimentos sociais, entre eles o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto).

O coordenador do MTST, Guilherme Boulos, disse que a PEC é um atentado ao povo brasileiro e que a declaração de Temer neste domingo, sobre a intenção de barrar a emenda da anistia ao caixa 2 é uma hipocrisia. "É a velha história de roubar a carteira e gritar 'pega ladrão'. Foram eles que criaram tudo isso", disse.

Os manifestantes fizeram um minuto de silêncio em homenagem a Fidel Castro, morto na sexta-feira (25) e logo em seguida gritaram "Viva Fidel". Boulos voltou ao microfone para fazer críticas ao governo e ao Congresso.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]