São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quarta-feira 18 de outubro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.288 - Visualizações: 18.935.765 - Postagens: 32.192

Hipocrisia, teu nome é Rede Globo




Por Fernando Brito · 19/11/2016

Se você não sabe o que é hipocrisia, olhe as capas dos dois veículos impressos das Organizações Globo – O Globo e o Extra – e leia o minieditorial que o primeiro publica, que reproduzo ao centro, no destaque.

Diz que o “escracho a que (Cabral e Garotinho) foram submetidos na prisão e no hospital merece repulsa, compromete a seriedade do procedimento e evoca questões essenciais à vida democrática”.

É verdade, como é verdade que as Organizações Globo, quando lhes interessa promove estes escrachos.

Pode-se argumentar que, uma vez divulgadas a imagens é jornalístico publicá-las.

É, sim.

O problema é como se faz isso.

A Globonews, por exemplo, reprisava o vídeo de Garotinho, seguido de “caras e bocas” da apresentadora de plantão.

O Globo fala de um “inquérito” para “apurar tratamento privilegiado” ao ex-governador no Hospital Souza Aguiar, embora possa ser lido no Extra que, segundo o relato de uma funcionária ele “teria sido acomodado numa maca de necrotério. Garotinho teria enfrentado também a superlotação da sala vermelha da unidade “A Rosinha Garotinho tendo que fazer a ficha lá na frente, pegar fila. Entrou na sala vermelha de olhos fechados. A sala vermelha tem suporte para quatro doentes. Tinha oito. Não tinha maca.” cita o jornal.

É a hipocrisia de quem faz jornalismo “neutro” e aponta o dedo contra os que expõem claramente suas opiniões.

Aliás, em matéria de fazer  mal ao Rio de Janeiro e a uma política civilizada, mais do que Cabral e Garotinho somados e elevados ao quadrado , faz a Globo, que se nutriu deste estado mas o despreza profundamente.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]