São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quarta-feira 20 de setembro de 2017 - Ano: IX - Edição: 3.253 - Visualizações: 18.247.852 - Postagens: 32.000

Justiça aceita denúncia contra nove envolvidos no Trensalão do PSDB de SP




Segundo o Ministério Público, o esquema funcionou entre 1999 e 2011 no governo do Estado, nas gestões do PSDB


05/05/2017 - A Justiça Federal em São Paulo abriu ação penal contra nove acusados por envolvimento no escândalo do cartel dos trens. Segundo o Ministério Público, o esquema atuou entre 1999 e 2011 no governo do Estado, nas gestões do PSDB. Entre os réus estão dois ex-dirigentes da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), João Roberto Zaniboni e Ademir Venâncio de Araújo, e sete executivos de empresas do setor metroferroviário.

A decisão em torná-los réus é do juiz João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, que acolheu denúncia do procurador da República Rodrigo De Grandis. No despacho, o juiz ressalta que vários crimes apontados pelo Ministério Público que poderiam ser imputados tanto aos réus quanto a outros suspeitos de participação no cartel prescreveram com o passar do tempo.

O procurador levou a denúncia à Justiça somente em fevereiro, dois anos depois de a Polícia Federal ter concluído o inquérito sobre o caso. Nesse período, a Procuradoria dependia de documentos referentes a contas de lobistas no exterior, obtidas em colaboração com o Uruguai. Os documentos só chegaram ao MPF em novembro do ano passado.

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]