São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quarta-feira 23 de agosto de 2017 - Ano: IX - Edição: 3.226 - Visualizações: 17.977.957 - Postagens: 31.406

Para comprar sua sobrevivência, Michel Temer encarece o litro da gasolina em R$ 0,41


Para garantir sobrevida na cadeira do Planalto, Michel Temer dobrou as alíquotas do PIS/Cofins nos combustíveis; com a medida, a gasolina pode ficar até R$ 0,41 por litro nas bombas de combustível; com o aumento do imposto, o governo espera arrecadar até R$ 10 bilhões extras até o final de 2017


20 DE JULHO DE 2017

Em nota divulgada nesta quinta-feira (20), os ministérios da Fazenda e do Planejamento informaram que a alíquota de PIS/Cofins que incide sobre a gasolina irá dobrar, passando dos atuais R$ 0,38 por litro para R$ 0,79 por litro. Assim, o litro da gasolina poderá ficar até R$ 0,41 mais caro nas bombas.

Já a taxa do PIS/Cofins, hoje zerada, será de R$ 0,19. A alíquota do óleo diesel passará de R$ 0,24 para R$ 0,46. Com o aumento da alíquota do PIS/Cofins sobre os combustíveis, o governo espera arrecadar R$ 10,4 bilhões em 2017. Além disso, o Ministério da Fazenda informou que vai bloquear mais R$ 5,9 bilhões em despesas do Orçamento.

O aumento de impostos e o bloqueio extra no orçamento ocorrem em um momento em que o governo enfrenta dificuldades em obter receitas. Com a dificuldade do governo em fazer a economia crescer, o governo enfrenta problemas na obtenção de receitas e procura novas formas de obter verbas para pagar as contas e compensar o déficit primário.

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]