São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sábado 18 de novembro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.319 - Visualizações: 19.422.689 - Postagens: 32.192

Inocentada em tudo, Dilma Rousseff vê seus algozes em apuros




Agência Brasil | Reprodução


01/09/2017 - Um ano depois que foi vítima de um impeachment sem comprovação de crime de responsabilidade, isto é, um golpe parlamentar, a presidente deposta Dilma Rousseff comprova sua inocência em manchetes dos grandes veículos de mídia do Brasil; os mesmos que se uniram ao projeto encabeçado pelo senador Aécio Neves (PSDB), que tem contra si pedido prisão aguardando julgamento no STF por corrupção, por Eduardo Cunha (PMDB), que cumpre pena de 15 anos por corrupção, e por Michel Temer, primeiro ocupante da presidência denunciado por corrupção; em evento no Rio sobre um ano do golpe, Dilma disse que esse grupo está "absolutamente desmoralizado"; "Eles têm de entregar o que prometeram entregar (com o impeachment). Mas não tem como, porque o déficit já chegou a 183 bilhões (de reais). Vão fazer o quê?".

1 comentários:

Manoel Oliveira disse...

MAS VOCÊS PROCUREM DIREITINHO,A FOLHA DISSE QUE A DILMA TINHA DITO, QUE PREFIRO ALCKMIN A BOLSONARO. EU FALEI , ALI EM SAO PAULO E RIO DE JANEIRO MORA, O QUE TEM DE MAIS CRIMINOSO E NAZISTAS E BANDIDOS DO BRASIL, QUEM VAI VOTAR EM GERALDO ALCKMIN, OU QUALQUER CRIMINOSO DO PSDB, E COOPERAR COM O NAZISMO DO MUNDO, A FAMÍLIA MARINHO, SAAD E FRIAS DA FOLHA E MESQUITA DA O ESTADÃO.

[ Deixe-nos seu Comentário ]