São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - quinta-feira 21 de setembro de 2017 - Ano: IX - Edição: 3.254 - Visualizações: 18.247.852 - Postagens: 32.000

Temer quebra a promessa e decide manter ministros corruptos no governo


Beto Barata/PR


15/07/2017 - "Se houver denúncia, o que significa um conjunto de provas eventualmente que possam conduzir a seu acolhimento, o ministro que estiver denunciado será afastado provisoriamente. Depois, se acolhida a denúncia e aí sim a pessoa, no caso o ministro, se transforme em réu, estou mencionando os casos da Lava-Jato, se transformando em réu, o afastamento é definitivo", prometeu Michel Temer, em fevereiro deste ano; se ele honrasse sua palavra, Eliseu Padilha e Moreira Franco seriam demitidos; no entanto, Temer decidiu esquecer a promessa, uma vez que ele próprio também foi denunciado como chefe de quadrilha e por obstrução judicial.

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]