São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sexta-feira 24 de novembro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.325 - Visualizações: 19.422.689 - Postagens: 32.192

Record detona a Globo, ataca emissora e se diz contrária à exposição com homem nu


16/10/2017 | Fernando Nascimento

Uma semana após uma reportagem polêmica exibida no “Fantástico” sobre uma exposição que contou com uma criança tocando um homem nu, a Record resolveu fazer a sua própria versão no “Domingo Espetacular”. A reportagem foi no caminho oposto ao da revista eletrônica concorrente.

Logo no início da reportagem, a emissora mostrou a opinião das ruas sobre a exposição. “A maior parte das opiniões é contrária ao acesso que menores tiveram a essas manifestações artísticas”, dizia o repórter responsável pela reportagem antes de mostrar as opiniões populares.

Adiante, a emissora questionou se o acesso da criança à exposição poderia ser classificado como algum tipo de crime. Para isso, a Record usou o artigo 75 do ECA, que diz que as crianças podem ser expostas a manifestações artísticas adequadas às suas faixas etárias.

O canal ainda falou sobre o movimento #342Artes, que conta com a participação de intelectuais e formadores de opinião no que chamam de “combate à censura”. A emissora entrevistou o escritor Leandro Narloch, que opinou que a opinião popular não pode ser classificada como censura.

“Se a gente não gostou de uma expressão artística, a gente tem é que criticar mesmo. E isso não significa censurar ou proibir uma expressão de arte”, opinou Leandro.

Em outro trecho, mais agressivo, a emissora destacou claro que Caetano Veloso e Paula Lavigne são as principais cabeças do movimento. A emissora relembrou uma entrevista dada por Paula em que ela revelou que Caetano tirou sua virgindade quando ela tinha 13 anos, o que se configuraria como crime.

A Record ainda mencionou a reportagem produzida e exibida pelo “Fantástico”, da Globo, no domingo passado. A emissora destacou a enorme repercussão negativa causada pela reportagem, incluindo a tag #GloboLixo que ficou nos trending topics no dia seguinte à exibição.


iG

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]