São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sexta-feira 24 de novembro de 2017 - Ano: X - Edição: 3.325 - Visualizações: 19.422.689 - Postagens: 32.192

O futuro chegou no Ceará – Parte 03 - Parcerias impulsionam Complexo Industrial e Portuário do Pecém


Governo negocia acordo com o Porto de Roterdã e inicia novo ciclo no Complexo Industrial e Portuário do Pecém


10/11/2017 - Os números impressionam: mais de 2 milhões de toneladas de aço exportadas só neste ano; 27 mil empregos criados; 17 indústrias e cerca de R$ 30 bilhões em investimentos nos últimos 10 anos.

Graças à localização privilegiada, na “esquina” do Atlântico, e à moderna infraestrutura portuária, a movimentação de cargas no Complexo Industrial e Portuário do Pecém cresceu 25% neste ano, alcançando a marca de 15 milhões de toneladas transportadas – a expectativa é de 17 milhões de toneladas até o fim do ano.

Já a produção das indústrias e da siderúrgica no local impulsiona o aumento do PIB industrial do Estado – alta de 4,5% em agosto deste ano em relação ao mesmo período do ano passado.

A ideia de interligar a indústria e o terminal portuário do Pecém, um dos maiores hubs marítimos do país, tem atraído investidores brasileiros e estrangeiros. O governo do Ceará acredita que inda há muito a crescer, e investe em obras de expansão e na busca de novos parceiros.

Uma das principais iniciativas é a negociação com o Porto de Roterdã, o mais importante da Europa, que assumirá parte da gestão de todo o complexo do Pecém, e não apenas do terminal portuário.

Em agosto, foi criado o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP S/A) – unindo administração, exploração, operação e desenvolvimento do complexo em uma só estrutura vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Ceará.

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) considera a parceria “o início de um ciclo virtuoso”.

Segundo a empresa, uma joint venture formada pela brasileira Vale (50%) e pelas sul-coreanas Dongkuk (30%) e Posco (20%), o acordo com Roterdã é muito significativo, já que os holandeses são uma referência em termos globais e pela tecnologia que trarão ao complexo.

O que atraiu a CSP, uma das maiores siderúrgicas do país, a investir no Ceará foi não só a possibilidade de conciliar a atividade industrial e o porto em um só lugar, o que reduz os custos com transporte, mas também o fato de o complexo incluir a Zona de Processamento de Exportação (ZPE), a única em operação no país.

A ZPE é uma zona de livre comércio na qual toda a produção conta com tributação diferenciada, como a isenção de IPI, PIS e Cofins, além da possibilidade de recebimento dos pagamentos fora do país.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Ceará afirma que o fato de o Estado ter honrado todos os seus compromissos com os seus novos parceiros tem sido um grande atrativo para os investidores.





Estado investe para qualificar mão de obra

O Governo do Ceará não investiu apenas em obras e em equipamentos para tornar o complexo do Pecém um dos maiores do país. Investiu, sobretudo, em educação.

Além das 117 escolas de ensino profissionalizante espalhadas por todo o Estado, instalou, perto do Pecém, o Centro de Treinamento do Trabalhador Cearense, o CTTC, para atender às necessidades das empresas e das indústrias que fazem parte do complexo.

Ativo desde o fim de 2015 após investimentos de mais de R$ 30 milhões, o CTTC oferece cursos em metal mecânica, construção civil, transporte e logística e petroquímica, entre outros.

A administração e coordenação das aulas é de responsabilidade do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará.

Muitos dos cursos são idealizados sob medida para as indústrias da região. A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), uma das maiores do país, diz trabalhar em parceria com o centro de treinamento para fomentar cursos mais focados nos processos industriais que atendem às suas operações.


Desde o início das atividades, o CTTC possibilita a formação inicial e continuada de cerca de 1.200 trabalhadores por ano.

Folha de S.Paulo

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]