São Gonçalo do Amarante - Ceará - Brasil - sábado 21 de Julho de 2018 - Ano: X - Edição: 3.564

“Lula, eu quero votar em você para presidente” disse Roberto Requião




Crítico ferrenho dos malefícios do golpe e da condenação sem provas do ex-presidente Lula, o senador Roberto Requião (MDB-PR) anunciou, em Foz do Iguaçu, que estará no mesmo palanque dele na disputa pela presidência da República; “Lula, eu quero votar em você para presidente”, disse; “Ninguém em sã consciência acreditaria que um presidente que elevou o país à condição de sétima economia mundial não iria se comprometer com uma merda de um apartamento em São Paulo. Não é Lula que está sendo agredido. É o Brasil e a América Latina. É posse e a propriedade de nossa água, a Petrobras, a nossa democracia”; assista ao vídeo 

27 DE MARÇO DE 2018

Blog do Esmael - O senador Roberto Requião (MDB-PR) anunciou nesta segunda-feira (26), em Foz do Iguaçu, que estará no mesmo palanque de Luiz Inácio Lula da Silva na disputa pela presidência da República. “Lula, eu quero votar em você para presidente”, adiantou o emedebista.

Bastante aplaudido durante o discurso, Requião afirmou ainda que não é verdade que esse “movimento” é contra Lula. “É contra a América Latina e é contra o Brasil.”

“Ninguém em sã consciência acreditaria que um presidente que elevou o país à condição de sétima economia mundial não iria se comprometer com uma merda de um apartamento em São Paulo. Não é Lula que está sendo agredido. É o Brasil e a América Latina. É posse e a propriedade de nossa água, a Petrobras, a nossa democracia”, discursou Requião.

“Prender Lula é encarcerar a esperança de um povo pobre, forte e trabalhador. Não se pode impunemente encarcerar a esperança de um povo. Queremos o Brasil de volta, com a dignidade resgatada”, opinou.

“Eu não tenho dúvida de que se Lula não fosse o futuro presidente, não estariam incomodados com ele.”

Requião afirmou que não acredita que confirmarão “essa estupidez” da decisão do TRF4 [que confirmou a condenação do ex-presidente na segunda instância]. “Lula, eu quero votar em você para presidente”, anunciou o senador.

“Vamos fazer essa campanha porque não se pode prender a esperança do Brasil e da América Latina”, concluiu Requião.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]