Chacina em Quixeramobim deixa três mulheres e um homem mortos



Um homem de 52 anos que estava nas proximidades acabou sendo baleado, mas sobreviveu e foi levado por populares a hospital


29/06/2018 - Identificadas três das quatro vítimas que morreram na chacina de Quixeramobim, ocorrida na noite desta quinta-feira, 28. Uma delas é Débora Mayra do Nascimento de Souza de 16 anos. Morreram ainda Antônia Damila Alves Pereira, 25, Francisco Neto Lopes de Sousa, 22 e uma mulher que segue sem identificação.

As informações foram confirmadas pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). A tragédia, que foi a quinta chacina do ano, aconteceu em antigo assentamento do Movimento Sem Terra (MST). Em nota oficial, o MST diz não ter mais qualquer relação com a terra.

Um homem de 52 anos que estava nas proximidades acabou sendo baleado mas sobreviveu e foi levado por populares a um hospital. Informações iniciais indicam que as vítimas foram surpreendidas por pessoas armadas que chegaram ao local de motocicletas e carros.

Diligências para localizar e capturar os suspeitos ainda estão em andamento. Ainda ontem, aeronave da oordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) sobrevoou as proximidades para auxiliar nas buscas. O caso é investigado pela Delegacia Municipal de Quixeramobim, pelo Departamento de Polícia do Interio Sul (DPI Sul) e pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]