Sargento, subtenente e tenente são executados em bar na periferia de Fortaleza


Foto: Gustavo Simão/Especial para O POVO
23/08/2018

As vítimas foram identificadas como José Augusto de Lima (1º sargento da reserva), de 58 anos; Antonio Cezar Oliveira Gomes (2º tenente da reserva), 50; e Sanderley Cavalcante Sampaio (subtenente da ativa), 46. Cezar havia entrado para a reserva recentemente.

Anteriormente, a assessoria de comunicação da APS havia informado que  Sanderley e Augusto eram sargentos e Cezar, 2º tenente.

Forças da segurança realizam operação para encontrar os autores do triplo homicídio. Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Áereas (Ciopaer) também atua na área. O automóvel que teria sido utilizado no crime foi abandonado.

Confira a nota na íntegra:

O Sindicato da Polícia Civil divulgou uma nota de pesar e convocou a categoria dos policiais civis a participar do velório e sepultamento dos PMs mortos.  Nas redes sociais, os policiais expressaram o luto.

O Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol/CE) lamenta profundamente a morte dos três policiais militares, Sargento Augusto, Sargento Cavalcante e Segundo-Tenente César assassinados covardemente na tarde desta quinta-feira, 23, na Vila Manoel Sátiro.

A diretoria do Sinpol Ceará convoca a categoria para se fazer presente no velório e no enterro para dar apoio as famílias dos guerreiros. O Sinpol ressalta que a Polícia Civil e a Polícia Militar são uma única família e espera que as forças de segurança, coordenadas pela Secretaria de Segurança, deem uma resposta imediata e firme a esse ataque covarde contra os nossos irmãos da Polícia Militar.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]