Bolsonaro agradece as ‘bravas tropas israelenses’ que perderam a viagem no Brasil



Depois de reassumir a presidência, mesmo sem poder falar e receber pessoas, o presidente Jair Bolsonaro foi ao Twitter para fazer propaganda política de Israel em meio a uma tragédia: "As bravas tropas israelenses, cedidas pelo Primeiro Ministro @netanyahu, encerram hoje a missão no Brasil. Agradeço, em nome do povo brasileiro, ao Estado de Israel pelos serviços prestados em Brumadinho-MG em parceria com nossos Guerreiros das Forças Armadas e Bombeiros"

31 DE JANEIRO DE 2019

Depois de reassumir a presidência, mesmo sem poder falar e receber pessoas, o presidente Jair Bolsonaro foi ao Twitter para fazer propaganda política de Israel em meio a uma tragédia: "As bravas tropas israelenses, cedidas pelo Primeiro Ministro @netanyahu, encerram hoje a missão no Brasil. Agradeço, em nome do povo brasileiro, ao Estado de Israel pelos serviços prestados em Brumadinho-MG em parceria com nossos Guerreiros das Forças Armadas e Bombeiros".

Os soldados de Israel, que supostamente vieram ao Brasil para auxiliar no resgate das vítimas do crime-catástrofe provocado pela irresponsabilidade da mineradora Vale, irão retornar ao seu país de origem sem que ninguém tenha ideia do que eles, de fato, vieram fazer no Brasil (leia mais). O Exército de Israel (IDF) deixou o Brasil nesta quinta-feira (31) após atuar por três dias em Brumadinho. O Corpo de Bombeiros chegou a dizer que o equipamento dos israelenses não era próprio para o resgate de sobreviventes ou corpos.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]