Em editorial, o jornal Folha de S. Paulo destaca a série inédita de fiascos do governo Bolsonaro



Em editorial, o jornal Folha de S. Paulo destaca a série inédita de fiascos do governo Bolsonaro decorrentes sobretudo da falta de experiência na condução da administração pública; o texto começa assim: "em seu início, o governo Jair Bolsonaro (PSL) se enreda em pequenos vexames diários com a pretensão de inovar antes de aprender com a administração pública"

12 DE JANEIRO DE 2019

Em editorial, o jornal Folha de S. Paulo destaca a série inédita de fiascos do governo Bolsonaro decorrentes sobretudo da falta de experiência na condução da administração pública. O texto começa assim: "em seu início, o governo Jair Bolsonaro (PSL) se enreda em pequenos vexames diários com a pretensão de inovar antes de aprender com a administração pública."

O editorial prossegue, dando exemplos dos constrangimentos diários do governo: "num exemplo que beira o caricato, o chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, apressou-se a afastar mais de 300 auxiliares que ocupavam funções de confiança, a título de "despetizar" o país. Como o termo ajuda a demonstrar, o presidente e sua equipe insistem na farsa de que ainda combatem o PT —afastado do Planalto em 2016. Por justificadas que sejam as críticas ao aparelhamento da máquina pública e ao excesso de cargos de livre nomeação no Executivo, o fato é que a maior parte deles se destina a servidores de carreira, muitos promovidos por mérito."

A matéria ainda acrescenta: "a medida tresloucada, portanto, teria mais chances de paralisar atividades do que de detectar algum perigoso conspirador petista. Logo se constatou, com efeito, que os trabalhos da Comissão de Ética Pública ficariam inviabilizados sem 16 de seus 17 funcionários. Outra trapalhada, ainda mal esclarecida, se deu com o lançamento de um edital para a compra de livros didáticos sem exigências básicas de qualidade. O ministro da Educação culpou o antecessor; este negou responsabilidade. Fato é que o período de transição de governo não parece ter sido bem aproveitado numa área crucial."


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]