Em entrevista chapa-branca a Record TV emissora oficial do bolsonarismo, Flávio diz que foro não foi escolha sua


Alerj

"Eu sou contra o foro, mas não é uma escolha minha. O foro é por prerrogativa de função", disse o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que foi blindado pelo ministro Luiz Fux, do STF, em conjunto com seu ex-assessor Fabrício Queiroz. O senador, que se negou a depor sobre o caso Queiroz, afirmou não ter "nada para esconder de ninguém" e que vai "onde tiver que ir para esclarecer qualquer coisa"

19 DE JANEIRO DE 2019

O senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que antes se dizia contra o foro privilegiado, agora afirmou não ter escolha, em entrevista chapa-branca exibida pela Rede Record, emissora oficial do bolsonarismo, na noite desta sexta-feira (18). "Eu sou contra o foro, mas não é uma escolha minha. O foro é por prerrogativa de função", disse.

O senador, que se negou a depor sobre o caso Queiroz, afirmou não ter "nada para esconder de ninguém" e que vai "onde tiver que ir para esclarecer qualquer coisa". Flávio e Queiroz foram temporariamente blindados pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, mas o ministro Marco Aurélio Mello disse que a decisão de Fux irá para a lata de lixo.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]