Bolsonaro concede 'passaporte diplomático' para Edir Macedo e esposa



Dono da Rede Record e líder da Igreja Universal do Reino de Deus, o bispo Edir Macedo e a mulher Ester Eunice Rangel Bezerra foram agraciados na última sexta-feira (12) com passaportes diplomáticos concedidos pelo governo brasileiro; concessão do benefício ao bispo, aliado do presidente Jair Bolsonaro, e à esposa se deu "por entender que, ao portar passaporte diplomático, seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior"

15 DE ABRIL DE 2019 

Dono da Rede Record e líder da Igreja Universal do Reino de Deus – que atuam na linha de frente na defesa de interesses de Jair Bolsonaro (PSL) desde a campanha – o bispo Edir Macedo e a mulher Ester Eunice Rangel Bezerra foram agraciados na última sexta-feira (12) com passaportes diplomáticos concedidos pelo governo brasileiro.

A portaria, assinada pelo chanceler Ernesto Araújo, consta na edição do Diário Oficial da União desta segunda-feira (15). Segundo a publicação, a concessão do benefício ao bispo e à esposa se deu "por entender que, ao portar passaporte diplomático, seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior".


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]