Diálogos revelam que Sérgio Moro mandava no planejamento das operações


(Foto: Reuters)

Sobre as novas relevações da Vaja Jato, divulgadas neste sábado (19) pelo The Intercept Brasil, o jornalista Glenn Greenwald é categórico: "esses diálogos revelam pela primeira vez que Moro mandava no planejamento das operações"
19 de outubro de 2019

O jornalista Glenn Greenwald escreveu neste sábado (19) que, pela primeira vez, os diálogos revelados pela Vaza Jato mostram que o então juiz Sergio Moro "mandava no planejamento das operações, tendo inclusive direcionado quais materiais deveriam ser apreendidos — uma violação do sistema acusatório".

E cita a busca e apreensão e condução coercitiva do ex-presidente Lula, em março de 2016.

Para Glenn, "a conduta imprópria de Moro foi tão severa que os delegados da PF ficaram chocados, riram, e concordaram em ficar 'quietos' sobre Moro", e até em "ajeitar" as coisas para Moro.

Isso inclui ordenar buscas da Polícia Federal contra acusados que Sergio Moro deveria julgar com objetividade, denuncia o jornalista.

Brasil 247

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]