Gilmar Mendes vai à Globo e avacalha Sérgio Moro e Luis Roberto Barroso


(Foto: ABr | Felipe Gonçalves/247 | Lula Marques)

“Moro chegou quase como primeiro-ministro, depois virou esse personagem que Bolsonaro leva pra jogo do Flamengo”, disse o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, que também antecipou seu voto contrário à prisão em segunda instância
15 de outubro de 2019

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, concedeu entrevista ao jornalista Pedro Bial, da TV Globo, em que disparou contra dois de seus alvos prioritários: o ex-juiz Sergio Moro, hoje ministro da Justiça, e o ministro do STF Luis Roberto Barroso, o mais lavajatista da corte. Ele também antecipou seu voto contrário à prisão em segunda instância. Confira:

Brasil 247


“Moro chegou quase como primeiro-ministro, depois virou esse personagem que Bolsonaro leva pra jogo do Flamengo.” Gilmar Mendes no Bial.

Em entrevista no "Conversa com Bial", Gilmar Mendes sugere que Barroso havia ensaiado as frases usadas em discussão com ele ("mistura do mal com atraso, com pitadas de psicopatia"): "Eu quando mando alguém fechar o escritório de advocacia eu não improvisei, eu falei na hora".


Em entrevista no "Conversa com Bial", Gilmar Mendes sugere que Barroso havia ensaiado as frases usadas em discussão com ele ("mistura do mal com atraso, com pitadas de psicopatia"): "Eu quando mando alguém fechar o escritório de advocacia eu não improvisei, eu falei na hora".
Sobre a prisão em segunda instância, Gilmar respondeu: "Hoje estou convencido, diante dos abusos, que temos de reforçar a prisão provisória em segundo grau, mas a execução da pena só com trânsito em julgado".



0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]