Em carta irônica a Bolsonaro, Jô Soares o chama de animal


(Foto: Reprodução)

No texto, o escritor Jô Soares pergunta até quando Jair Bolsonaro abusará da paciência dos brasileiros e diz que ele é um animal

10 de novembro de 2019 

 “'Quo usque tandem abutere patientia nostra?!' Frase que, em latim, vossa excelência, melhor latiador do que eu, conhece perfeitamente, foi dirigida em quatro cartas do senador e escritor romano Cícero ao Senado e ao povo em relação a Catilina, militar e senador que pretendia derrubar a República. Veja que ousadia! Isso antes do AI-5!", diz o escritor Jô Soares, em carta endereçada a Jair Bolsonaro. 

No fim, ele cita o vídeo do leão e das hienas, postado por Bolsonaro e depois apagado. "Meditei muito, passei a noite sem dormir, mas antes de apagar a luz estava começando um filme da Metro com aquele rugido característico: para mim, aquela mensagem foi decisiva. Pude finalmente dormir em paz: a sua definição é perfeita: vossa excelência é o leão. Vossa excelência é o rei dos animais!


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]