A imagem do Brasil no mundo nunca foi tão negativa, mais de vinte publicações internacionais já denunciaram o Risco Bolsonaro


Jair Bolsonaro limpa o nariz e cumprimenta apoiadores
 (Foto: Reprodução/TV Globo)
  

A revista The Economist foi uma dessas publicações e o chamou de "BolsoNero"


12 de abril de 2020

A imagem do Brasil no mundo  nunca foi tão negativa quanto agora, em razão do comportamento de Jair Bolsonaro, que nega o coronavírus e, com isso, expõe os brasileiros ao risco de morte pela pandemia. Confira alguns exemplos e também reportagem sobre nota da Human Rights Watch:

1. The Guardian (Inglaterra)

"Jair Bolsonaro diz que crise de coronavírus é um truque da mídia"

theguardian.com/world/2020/mar…

2. The Economist

"Bolsonero: Presidente do Brasil "toca arpa" enquanto a pandemia cresce" 

3. Wall Street Journal.

'Volte ao trabalho': Bolsonaro descarta riscos mortais do coronavírus no Brasil

wsj.com/articles/bolso… 

4. Forbes

"Em Coronavírus versus Brasil, Bolsonaro fica quase sozinho"

5. BBC

"Enquanto o mundo tenta combater a pandemia, Bolsonaro faz possível para desacreditá-la"

bbc.com/news/world-lat…

6. New York Times

"Bolsonaro, é o único "grande" líder mundial que continua questionando os méritos das medidas de bloqueio

7. Washington Post

"Bolsonaro é o líder negacionista mundial do coronavirus"

washingtonpost.com/world/2020/04/…

8. El País

"A atitude imprudente e irresponsável do líder do maior país da América do Sul ameaça causar inúmeras mortes"

9. Business Inder

"O presidente Bolsonaro sugeriu que seu povo é naturalmente imune ao coronavírus, alegando que eles podem nadar no esgoto e 'nada acontece'"

businessinsider.com/coronavirus-ja…

10. The Japan Times

"Bolsonaro enfraquecido pela negação de coronavírus"

11. The Wire

"Bolsonaro está usando uma crise de saúde pública para ampliar divisões no Brasil"

thewire.in/world/bolsonar…

12. The Time of India

"Presidente do Brasil tira selfies e aplaude manifestantes apesar de riscos da pandemia"

13. The Chicago Tribune

"Bolsonaro promoveu  tratamentos não comprovados de coronavírus e sugeriu que o vírus é menos perigoso do que dizem."

chicagotribune.com/coronavirus/sn…

14. The Independent

"Coronavírus: Bolsonaro alega que a mídia 'engana' os brasileiros"

15. The Asahi Shimbun (Japão)

"Pelo menos um líder mundial seguiu as alegações de Trump de promover o uso das drogas. -  Bolsonaro".

asahi.com/ajw/articles/1…

16. Al Jazeera English

"COVID-19: Bolsonaro está colocando 'vidas em perigo'"

17. The Sydney Morning Herald (Austrália)

"Bolsonaro joga com a vida e a morte em meio a pandemia"

smh.com.au/world/south-am…

18. Daily Herald

"Facebook se une resistência contra as alegações de Bolsonaro sobre o vírus"

19. Jacobin Magazine

"Numa pandemia, Bolsonaro é mais perigoso do que nunca"

jacobinmag.com/2020/03/jair-b…?

20. TIME - O presidente do Brasil ainda insiste que o coronavírus é um exagero. Governadores revidam.

Sputinik – A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) divulgou uma nota neste sábado (11) afirmando que o presidente Jair Bolsonaro coloca os brasileiros em "grave perigo" ao incentivar o não cumprimento do isolamento social para combater o coronavírus.

De acordo com a organização, Bolsonaro "age de forma irresponsável disseminando informações equivocadas sobre a pandemia".

"Bolsonaro está colocando os brasileiros em grave perigo ao incitá-los a não seguir o distanciamento social e outras medidas para conter a transmissão da COVID-19, implementadas por governadores no país inteiro e recomendadas por seu próprio Ministério da Saúde", diz a nota.

O diretor da Divisão das Américas da Human Rights Watch, José Miguel Vivanco, citado pelo G1, afirmou que "Bolsonaro tem sabotado os esforços dos governadores e do seu próprio Ministério da Saúde para conter a disseminação da COVID-19, colocando em risco a vida e a saúde dos brasileiros".

O presidente Jair Bolsonaro vem defendendo a ideia de estabelecer um isolamento social apenas para idosos e grupos de risco, chegando a declarar que a população deveria voltar à vida normal, o que contraria as orientações da Organização Mundial da Saúge (OMS) e do próprio Ministério da Saúde.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor