Sérgio Moro pede demissão após anúncio de troca na PF por Bolsonaro


Jair Bolsonaro e Sérgio Moro
Jair Bolsonaro e Sérgio Moro (Foto: Adriano Machado/Reuters)

Jair Bolsonaro comunicou o ministro da Justiça nesta quinta-feira (23) sobre sua intenção de trocar a diretoria-geral da Polícia Federal, hoje comandada por Maurício Valeixo. Moro disse que sairá caso haja a mudança

23 de abril de 2020

O ministro da Justiça, Sergio Moro, ameaçou se demitir do governo após ser comunicado por Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (23) que haverá uma troca nos próximos dias da diretoria-geral da Polícia Federal, hoje comandada por Maurício Valeixo.

A informação é de reportagem de Leandro Colon, da Folha de S.Paulo. Segundo ele, Bolsonaro tenta agora reverter o pedido de demissão do ex-juiz da Lava Jato. Valeixo é ligado a Moro, foi escolhido por ele para o cargo e um nome importante da operação em Curitiba.

Na Globonews, a jornalista Delis Ortis disse que o ministro não chegou a pedir demissão. O encontro de Moro com Bolsonaro, segundo ela, foi para o presidente comunicar que pretende substituir Valeixo. Sem Valeixo, Moro deixou claro que não gostaria de ver uma nomeação política. 

Não é a primeira vez que Bolsonaro ameaça trocar o comando da PF, sobre a qual quer ter o domínio, em meio a investigações que envolvem sua família.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor