Jornalista da Band é agredida por fascista bolsoloíde com bandeira do Brasil

(Foto: Reprodução)

Repórter foi atingida na cabeça com uma bandeira levada por uma manifestante no ato que defendeu a cloroquina em Brasília e voltou a pedir o fechamento das instituições

17 de maio de 2020

Uma repórter da BandNews foi agredida neste domingo 17 em Brasília enquanto cobria o ato bolsonarista que voltou a pedir o fechamento das instituições e desta vez também defendeu o uso da cloroquina.

A jornalista foi atingida na cabeça com uma bandeira do Brasil que estava sendo levada por uma militante bolsonarista. “Ela se desculpou meio aos risos”, relatou a jornalista, que disse que “a bandeirada não foi forte”.

Essa manifestante estava criticando a imprensa e se referia aos jornalistas como “lixo”, disse ainda a repórter. Jair Bolsonaro também participou do ato.


0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor