2

São Gonçalo do Amarante - CE - Sexta-feira 25 de setembro de 2020 - Ano: XII - Edição: 4.359

Paulo Guedes deve cair após debandada no Ministério da Economia

Ministro da Economia, Paulo Guedes

(Foto: REUTERS/Adriano Machado)

Aliados do ministro da Economia Paulo Guedes dizem que ele não vai deixar o governo agora, mas é corrente nos meios políticos a avaliação de que pode ser descartado, pois não tem um plano para enfrentar a crise econômica

12 de agosto de 2020

Apesar das negativas de que vá pedir demissão, Paulo Guedes poderá ser descartado. Imediatamente após a debandada no seu ministério, pessoas próximas ao "posto Ipiranga" asseguram que ele não pede demissão.Mas são crescentes os relatos de que Guedes acumula cansaço e frustrações.

Para parlamentares, a saída de Guedes não seria dramática. A queixa é a de que, fora as reformas, falta a ele um plano para enfrentar a crise econômica, informa a coluna Painel da Folha de S.Paulo.

A saída do secretário de Desestatização Salim Mattar pegou senadores, deputados e colegas do governo de surpresa. Em reuniões recentes, até na véspera, o então secretário de desestatização não tinha dado sinais de que tomaria a decisão. A demissão do secretário revela a existência de uma crise na pasta da Economia.

Brasil 247

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor