2

São Gonçalo do Amarante - CE - Segunda-feira 26 de outubro de 2020 - Ano: XIII - Edição: 4.391

Dissertação de Kassio Nunes Marques tem trechos idênticos a artigos de advogado

DIVULGAÇÃO/TRF-1

Indícios de plágio no trabalho de mestrado foram revelados pela revista digital Crusoé. Juiz federal negou irregularidades: "coincidências"

Por Raphael Veleda | 08/10/2020

Ojuiz federal Kassio Nunes Marques, do TRF-1, cujo nome foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), enfrenta, além de questionamentos sobre inconsistências em seu currículo, a acusação de ter copiado em sua tese de mestrado trechos de artigos de um autor não citado no trabalho. Os indícios de plágio, que é crime, foram revelados pela revista digital Crusoé nesta quarta (7/10) e confirmados pela reportagem do Metrópoles nas fontes originais.

A dissertação de Kassio Marques foi apresentada em 2015 à Universidade Autônoma de Lisboa, em Portugal, com o seguinte título: Concretização Judicial do Direito à Saúde: um contributo à sua efetivação no Brasil a partir das experiências jurisprudenciais no Direito Comparado e nas matrizes teóricas portuguesas. O texto pode ser acessado aqui.

Conforme revelado pela Crusoé, que submeteu o texto a uma ferramenta on-line de busca por plágio, a tese possui pedaços iguais ou muito parecidos de textos do advogado Saul Tourinho Leal, que integrante da banca do ex-presidente do STF Carlos Ayres Britto.

Metrópoles

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor