2

São Gonçalo do Amarante - CE - Sexta-feira 16 de Abril de 2021 - Ano: XIII - Edição: 4.562

PowerPoint contra Lula foi feito em meio a ironias dos procuradores e Dallagnol escreveu: 'Tá ficando shou'

 (Foto: ABr | Reprodução)

A apresentação em PowerPoint de Dallagnol contra Lula, que se tornou um dos símbolos da Lava Jato, foi elaborada pelos procuradores em clima de deboche e ironias. Deltan Dallagnol escreveu, em 13 de setembro de 2016, véspera da famosa coletiva de imprensa, entre risos: "Tá ficando shou". Os diálogos constam em petição apresentada pela defesa do ex-presidente Lula ao STF

18 de fevereiro de 2021

Em nova petição apresentada pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Supremo Tribunal Federal (STF), nessa quarta-feira (17), um diálogo de procuradores da Operação Lava Jato em grupo no aplicativo de mensagens Telegram mortra claramente: a apresentação em PowerPoint de Dallagnol contra Lula, que se tornou um dos símbolos da Lava Jato, foi elaborada pelos procuradores em clima de deboche e ironias. Deltan Dallagnol escreveu, em 13 de setembro de 2016, véspera da famosa coletiva de imprensa, entre risos: "Tá ficando shou".

As mensagens foram obtidas pela defesa de Lula no âmbito da Operação Spoofing, responsável por investigar o acesso a celulares dos procuradores da Lava Jato. O teor das conversas foi publicado em reportagem do portal Uol.

Em 13 de setembro de 2016, o procurador Deltan Dallagnol escreveu: "melhor não usarmos a imagem do Lula, mas um quadrado escrito LULA simplesmente". "Ou uma imagem de pessoa como as demais do gráfico, e embaixo LULA. Tá ficando shou", disse.

A denúncia envolveria o tríplex no Guarujá e foi apresentada à imprensa no dia seguinte, 14 de setembro de 2016. Dallagnol chegou a dizer que Lula seria "o comandante máximo" de esquemas de corrupção e pelo diagrama no PowerPoint.

Sobre o uso da imagem de Lula na apresentação, um interlocutor identificado como "Douglas Prpr" disse, em 13 de setembro, que, durante a criação do gráfico, a foto fora incluída como uma brincadeira "só para tirar onda. Já falei que não podemos deixar". Na sequência, Deltan escreveu "kkk".

No dia seguinte, após a repercussão do anúncio da denúncia, Douglas escreveu: "as bolinhas fizeram sucesso...". Deltan respondeu com um novo "kkk".

O ex-presidente Lula foi condenado sem provas no processo do triplex em Guarujá, acusado de ter recebido um apartamento como propina da OAS.

No ano passado foi divulgada um documento mostrando que a consultoria Alvarez & Marsal (EUA) apareceu na Lava Jato, em 2017, numa petição da defesa de Lula, com documentos comprovando o tríplex como imóvel de propriedade da OAS e não do petista.

Sobre a denúncia, procuradores da Lava Jato disseram, em nota, que "o esquema gráfico produzido para essa denúncia específica tinha por objetivo tornar compreensível aquilo que a doutrina chama de 'convergência de indícios', explicando aspectos do esquema criminoso essenciais para a compreensão acerca do papel do ex-presidente nos crimes - e esses aspectos estavam todos descritos na denúncia apresentada, sendo reproduzidos a partir dela".

Brasil 247

0 comentários:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor