2

São Gonçalo do Amarante - CE - Segunda-feira 27 de Setembro de 2021 - Ano: XIII - Edição: 4.725

Bolsonaro tem 15 dias para explicar ao TSE declarações sobre supostas fraudes em urnas

(Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil | Isac Nóbrega/PR)

Jair Bolsonaro, sem provas, já afirmou que, por exemplo, a eleição de 2018 foi manipulada e que somente venceu o pleito por ter tido muito mais votos que Haddad

21 de junho de 2021

O ministro Luís Felipe Salomão, corregedor do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deu 15 dias para que Jair Bolsonaro explique as declarações sobre supostas fraudes eleitorais por meio das urnas eletrônicas.

Por mais de uma vez, Bolsonaro afirmou que as eleições no Brasil são fraudadas e que somente ganhou o pleito em 2018 por ter tido muito mais votos que seu adversário, o ex-ministro Fernando Haddad. O chefe do governo federal, no entanto, nunca apresentou provas.

O ministro ainda determinou a abertura de procedimento administrativo para apurar se houve de fato alguma fraude em 2018.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor