2

São Gonçalo do Amarante - CE - Sábado 25 de Setembro de 2021 - Ano: XIII - Edição: 4.723

Chanceler cubano rechaça comentários de Bolsonaro sobre protestos em Cuba: "deveria estar atento à corrupção que o envolve", poderia dormir sem esta

Bruno Rodríguez e Jair Bolsonaro (Foto: Reuters | Alan Santos/PR)

Pelo Twitter, Bolsonaro, que sempre atacou o país caribenho que está sob embargo econômico dos Estados Unidos desde 1962, disse desejar que a democracia “floresça”

13 de julho de 2021

O chanceler cubano, Bruno Rodríguez, rechaçou os comentários de Jair Bolsonaro sobre os protestos em Cuba.

Pelo Twitter, Bolsonaro, que sempre atacou o país caribenho que está sob embargo econômico dos Estados Unidos desde 1962, disse desejar que a democracia “floresça” e traga "dias melhores" à população. Ele também espalhou uma série de fake news sobre Cuba.

O Ministério das Relações Exteriores de Cuba acusou os manifestantes de serem 'mercenários' pagos pelos EUA.

"O presidente do Brasil deve consertar sua ação negligente que contribui para a infeliz morte de centenas de milhares de brasileiros devido à Covid e para o aumento da pobreza. Deve prestar atenção aos atos de corrupção que o envolvem e não desviá-los olhando Cuba com superficialidade", criticou Rodríguez, em seu Twitter.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor