2

São Gonçalo do Amarante - CE - Sábado 25 de Setembro de 2021 - Ano: XIII - Edição: 4.723

Desejos do Brasil pós-pandemia: ricos querem lazer e pobres querem comida, dados são da FGV

(Foto: Elineudo Meira/Fotos Públicas)

Dados foram apontados em pesquisa da Fundação Getúlio Vargas

18 de julho de 2021

Uma pesquisa da Fundação Getúlio Vargas revela que as famílias de renda mais elevada do Brasil esperam aumentar principalmente o consumo de serviços de entretenimento, alimentação e alojamento assim que a maioria dos brasileiros estiver vacinada contra a Covid-19, segundo aponta reportagem do jornalista Eduardo Cucolo, publicada na Folha de S. Paulo.

"De acordo com sondagem especial do FGV Ibre (Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas), 70% dos consumidores com renda acima de R$ 9.600 pretendem gastar mais com viagens, transporte, restaurantes, cinema e atividades sociais após o avanço da vacinação", aponta o jornalista.

A situação é totalmente diferente entre os mais pobres. "Esse percentual fica cada vez menor, conforme se reduz a faixa de renda, chegando a 12,5% entre as famílias com renda inferior a R$ 2.100. Entre consumidores nessa primeira faixa de renda, a expectativa é aumentar o consumo de outros itens, como alimentos, bens duráveis e roupas, saúde e cuidados pessoais", aponta o repórter.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor