2

São Gonçalo do Amarante - CE - Quarta-feira 27 de Outubro de 2021 - Ano: XIV - Edição: 4.757

Bolsonaro é denunciado em Nova York como “criminoso ambiental” que está destruindo a Amazônia

(Foto: Reprodução)

No momento em que Jair Bolsonaro falar na Assembleia Geral da ONU, nesta terça-feira, 21, um caminhão com três telões circulará pelas ruas de Nova York exibindo mensagens como “Bolsonaro is burning the Amazon” (Bolsonaro está queimando a Amazônia)

20 de setembro de 2021

No momento em que Jair Bolsonaro falar na Assembleia Geral da ONU, nesta terça-feira, 21, um caminhão com três telões circulará pelas ruas de Nova York exibindo mensagens como “Bolsonaro is burning the Amazon” (Bolsonaro está queimando a Amazônia, em inglês), segundo a Folha de S.Paulo.

Nesta segunda-feira, 20, o caminhão já rodou as ruas da cidade, enquanto Bolsonaro tinha seu primeiro dia de agenda nos Estados Unidos, onde ele promoveu um vexame pelas suas atitudes negacionistas.

“No vídeo exibido nos telões ambulantes, as frases contra o presidente são acompanhadas do som de labaredas flamejando e de imagens, ora da floresta em chamas, ora de montagens de Bolsonaro com os cabelos em fogo”, diz a Folha.

Entre as frases exibidas no vídeo, estão ainda “Jail Bolsonaro” (prendam Bolsonaro), “Amazon or Bolsonaro” (Amazônia ou Bolsonaro) e “Bolsonaro, climate criminal” (Bolsonaro, criminoso climático), diz o jornal paulista.

Segundo a reportagem, a ação foi planejada por ativistas brasileiros e norte-americanos financiados por ONGs ligadas ao meio ambiente e à defesa da democracia, como Amazon Watch e US Network for Democracy in Brazil, entre outras organizações.

"Sabemos que Bolsonaro veio a Nova York para mentir que seu governo está protegendo a Amazônia e, portanto, nós temos o dever de denunciá-lo", explica Christian Poirier, diretor de programas da Amazon Watch. "O futuro da floresta está ameaçado por este presidente, que diz protegê-la."

Bolsonaro também foi vítima de protestos no hotel em que está hospedado na cidade.

Brasil 247

.

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor