2

São Gonçalo do Amarante - CE - Quarta-feira 27 de Outubro de 2021 - Ano: XIV - Edição: 4.757

“Miriam Leitão faz militância para o mercado financeiro, não jornalismo”, diz Cynara Menezes é uma “puxa-saco” do mercado financeiro

(Foto: Maíra Miranda | Reprodução)

Em entrevista à TV 247, a jornalista afirmou que Miriam Leitão, que saiu em defesa de Paulo Guedes e sua offshore nas Ilhas Virgens Britânicas no Globo, é uma “puxa-saco” do mercado financeiro. “Como diz o Érick Jacquin, ‘vergonha de la profession’”

8 de outubro de 2021

A jornalista Cynara Menezes, em entrevista à TV 247, criticou a conduta de Miriam Leitão, do Globo, que saiu em defesa do ministro Paulo Guedes, responsável por ter enviado milhões a uma offshore nas Ilhas Virgens Britânicas. A conta foi favorecida pela desvalorização do real ante ao dólar e, portanto, pode configurar conflito de interesses.

Leitão, que fez campanha ativa pelo golpe de 2016, a partir da farsa das "pedaladas fiscais", culpou a economia brasileira pelo fato de Guedes ter sido, de certa forma, forçado a canalizar sua fortuna para o exterior. "O ministro Paulo Guedes abriu a empresa em 2014. O cenário naquela época era de uma recessão e aumento da inflação, o que realmente aconteceu nos anos seguintes. Então, ele deve ter remetido recursos para se proteger das incertezas da economia brasileira", justificou ela, em tom amigável ao ministro.

Para Cynara Menezes, a postura de Miriam Leitão é a de uma “militante” do mercado financeiro. “O que a Miriam Leitão e o pessoal que está defendendo o Guedes está fazendo é militância do mercado financeiro. Essas pessoas estão militando pelo mercado financeiro, porque não é possível que a mesma notícia que saiu na capa dos principais jornais do mundo no Brasil não saia nada. É uma vergonha para a profissão. Como diz o Érick Jacquin, ‘vergonha de la profession’. Pelo amor de Deus. Notícia é notícia, puxa-saquismo de ministro da Economia que faz o que eles querem é outra coisa”, criticou Cynara Menezes.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor