2

São Gonçalo do Amarante - CE - Domingo 5 de Dezembro de 2021 - Ano: XIV - Edição: 4.796

Bolsonaro vai acabar com o ENEM e privatizar o acesso às universidades, dificultando o caminho para os mais pobres

 (Foto: ABr | Reprodução)

Especialistas em educação dizem que o plano de Jair Bolsonaro é privatizar novamente o acesso às universidades, dificultando o caminho para os mais pobres

23 de novembro de 2021

"O Banco Nacional de Itens (BNI), que reúne questões testadas e aprovadas para entrarem nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), está acabando, alertam servidores do Inep, instituto responsável pela realização e aplicação da prova. Atualmente, segundo duas pessoas do Inep que participaram da elaboração das provas, não há questões disponíveis para o exame de 2022. Desde o fim do governo Temer, o banco nunca recebeu novos itens, ao contrário do que ocorria todos os anos, em gestões anteriores. Essa falta de novas perguntas explica, por exemplo, por que não houve uma só questão ou texto citando a pandemia de Covid-19", aponta reportagem de Bruno Alfano, publicada no jornal O Globo.

Especialistas em educação afirmam que o projeto de Jair Bolsonaro consiste em destruir o Enem, para que o acesso às universidades volte a ser feito por vestibulares privados, o que dificultaria o acesso da população mais pobre ao ensino superior. "Bolsonaro quer privatizar o Enem", disse Daniel Cara, nesta segunda-feira, 22, no Boa Noite 247.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor