2

São Gonçalo do Amarante - CE - Segunda-feira 29 de novembro de 2021 - Ano: XIV - Edição: 4.790

Lula vence todos os adversários na corrida presidencial de 2022, segundo pesquisa XP/Ipespe

Foto: Reprodução

Pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta quarta-feira (03/11) aponta Lula como soberano na disputa pela Presidência em 2022 e, se houver segundo turno, o adversário do petista será o atual mandatário Jair Bolsonaro –provavelmente disputando a reeleição pelo PP

3 de novembro de 2021

A XP é um braço do banco Itaú Unibanco na especulação financeira, portanto é importante ser observado com muita reserva esse tipo de levantamento sobre intenções de votos na corrida presidencial. Cautela e canja de galinha não faz mal a ninguém, diz o ditado popular. Aliás, um dos pré-candidatos, Sergio Moro, constou na lista de palestrantes da XP Investimentos–antes da fusão.

Esclarecido isso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, segue liderando a disputa ao Palácio do Planalto no próximo ano, segundo pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta quarta-feira. Mas, ressalta a XP, o levantamento mostra que o petista parou de crescer.

No cenário espontâneo, a intenção de voto em Lula oscilou de 30% para 31%, de setembro para outubro, e, no estimulado, passou de 43% para 42%.

A evolução do presidente Jair Bolsonaro foi de 23% para 24% no levantamento espontâneo e se manteve em 28% no estimulado.

Na resposta espontânea sobre seu candidato ao Planalto, Lula liderou o levantamento do mês passado com 31%, ante 24% de Bolsonaro, 3% de Ciro Gomes (PDT), 2% do ex-ministro e ex-juiz da Lava-Jato Sérgio Moro.

O governador paulista João Doria, que disputa a indicação do PSDB para a disputa presidencial com o governador gaúcho Eduardo Leite, recebeu 1%, enquanto seu concorrente partidário não pontuou. Também não pontuou o apresentador José Luiz Datena, que está trocando o PSL pelo PSD, enquanto o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta levou 1%.

Na resposta estimulada, Lula também está na dianteira, com 42% no cenário que inclui João Doria (4%) e 41% no que inclui Eduardo Leite (3%).

No cenário com o governador paulista, Bolsonaro recebeu 28% das respostas, Ciro Gomes, 11%, o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta, 3%, e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), 2%.

No segundo cenário, Bolsonaro ficou com 25%, Ciro Gomes (PDT), com 9%, Sergio Moro – que deve se filiar ao Podemos no próximo dia 10 -, recebeu 8%, Mandetta, 3%, Datena levou 3%, Eduardo Leite, outros 3%, Pacheco 2%, e a senadora Simone Tebet (MDB), 1%. O senador Alessandro Vieira (Cidadania) não pontuou.

Em eventual segundo turno, Lula vence todos os candidatos com porcentual ao redor de 50%.

Simulações no segundo turno

  • Lula 50% x 32% Bolsonaro
  • Lula 52% x 34% Moro
  • Lula 49% x 29% Ciro
  • Lula 51% x 27% Doria
  • Lula 50% x 28% Leite

A pesquisa XP/Banco Itaú/Ipespe foi realizada de 25 a 28 de outubro, com 1.000 entrevistados com 16 anos ou mais, em todas as regiões do país. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais para mais ou menos e o intervalo de confiança é de 95,5%.

O levantamento mostra que a “terceira via” se transformou em um sonho de verão e se reduziu a uma espécie de “seguro garantia” para burguesia de que haverá segundo turno nas eleições de 2022.

Blog do Esmael

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor