2

São Gonçalo do Amarante - CE - sEGUNDA-FEIRA 29 de novembro de 2021 - Ano: XIV - Edição: 4.790

Mídia corporativa prova que não faz jornalismo profissional ao omitir encontro entre Lula e futuro chanceler alemão | LEONARDO ATTUCH

Lula é recebido em Berlim pelo líder do SPD, Olaf Scholz (Foto: Ricardo Stuckert)

"Folha, Globo e Estado omitiram de seus leitores o encontro entre o ex-presidente e Olaf Scholz, que irá liderar uma das maiores economias do mundo e um dos maiores parceiros do Brasil, demonstrando que preferem o Brasil pária de Jair Bolsonaro ao Brasil soberano de Lula", escreve Leonardo Attuch

13 de novembro de 2021

Leonardo Attuch é jornalista e editor-responsável pelo 247.

...

Os principais jornais da mídia corporativa brasileira, Folha, Globo e Estado de S. Paulo, comprovaram, neste sábado, que o discurso que fazem sobre "jornalismo profissional" é uma grande falácia. Os três jornais, que fizeram campanha pela prisão política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, abrindo espaço para a ascensão do governo neofascista de Jair Bolsonaro, que vem destruindo a economia e a imagem internacional do Brasil, decidiram simplesmente ignorar o encontro entre Lula e Olaf Scholz, futuro chanceler alemão, que irá liderar uma das maiores economias do mundo e um dos maiores parceiros comerciais do Brasil.

Ao tentar invisibilizar Lula, que lidera todas as pesquisas presidenciais e pode vencer as eleições em primeiro turno, os jornais da mídia corporativa demonstram falta de profissionalismo e falta de respeito com o público – o que vem provocando queda progressiva de leitores.

No encontro entre Lula e Scholz, ambos discutiram o processo de formação do governo alemão e a questão democrática no Brasil. Aos jornais da mídia corporativa, não interessa mostrar aos leitores que Lula é recebido pelo mundo como grande estadista, numa imagem radicalmente oposta à de Jair Bolsonaro, que ficou isolado na última reunião do G-20 e foi notícia apenas quando pisou no pé da chanceler alemã Angela Merkel. Na prática, a mídia comercial brasileira provou que prefere o Brasil pária e colonizado de Jair Bolsonaro ao Brasil forte e soberano de Lula.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor