2

São Gonçalo do Amarante - CE - Quinta-feira 26 de Janeiro de 2022 - Ano: XIV - Edição: 4.849

Homofóbico, Jair Bolsonaro diz que pautas LGBT visam 'destruir a família' e 'dominar o povo'

(Foto: Reuters)

Ainda segundo ele, o ativismo LGBT tem o objetivo de desgastar o seu governo

10 de janeiro de 2022

Jair Bolsonaro voltou a desferir ataques homofóbicos contra a comunidade LGBT ao afirmar, nesta segunda-feira (10) que as pautas ligadas ao tema são uma forma de “destruir a família” e “dominar o povo”. Ainda segundo ele, o ativismo ligado à causa é utilizado pela oposição com o objetivo de “desgastar” o seu governo.

“Tem LGBT que conversa comigo sem problema nenhum. Tem muita gente que a gente descobre que é [LGBT] depois e o cara tinha um comportamento completamente normal e não tem problema nenhum. Isso tudo são pautas para desgastar. Uma das maneiras de você dominar o povo é você destruir a família com essas pautas”, disse Bolsonaro em entrevista à Jovem Pan, de acordo com o site Poder360.

Ainda segundo ele, a indicação feita por ele para André Mendonça assumisse uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) fez com que “as pautas voltadas voltadas para ideologia de gênero caíssem”. “Está uma tranquilidade para a família tradicional. E não é só a família tradicional, não. O pessoal que vai morar aí tem 2 homens e duas mulheres, a maioria deles não quer essa promiscuidade toda. Eles querem é trabalhar, cuidar da vida deles e ser feliz entre 4 paredes. Não fica com esse ativismo de todo mundo tem que aceitar isso daqui, botar na escola”, afirmou.

Apesar dos atques homofóbicos feitos pelo chefe do Executivo, pesquisa PoderData realizada entre os dias 2 e 4 de janeir mostra que, no Brasil, 45% se dizem a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo e 39% declaram-se contra. Outros 16% não souberam responder.

Brasil 247

0 comments:

[ Deixe-nos seu Comentário ]

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor